Agroecologia

Nesta tarde de hoje, a partir das 16h, o Grito dos/as Excluídos/as realiza debate sobre aagroecologia

Hoje, a prtir das 16h, a organização do 17º Grito dos/as Excluídos/as realiza um debate sobre agroecologia. O debate faz parte da semana de mobilizações que o Grito realiza há 17 anos em Mossoró. Durante a atividade teremos as presenças de trabalhadores/as rurais, técnicos/as da agroecologia e professores/as que trabalham com o tema.

Uma das palestrantes, Neneide Lima, que é trabalhadora rural e pratica a agroecologia no Assentamento Mulunguzinho nos fala sobre a aimportância dessa atividadfe: “Esse debate sobre agroecologia é importante, pois a prática de se produzir sem veneno já era um costume de nossos antepassados e temos que continuar preservando mesmo com a pressão e imposição das empresas do veneno”, afirma Neneide.

Este ano, com a campanha permanente contra os agrotóxicos, foi produzido um documentário, em parceria com os movimentos sociais e o cineasta brasileiro Silvio Tendler, que alerta sobre os perigos do veneno que é colocados diariamente sobre nossa mesa. Adriana Vieira, da Marcha Mundial das Mulheres e do Cineclube Mossoró, nos informa que o documentário foi lançado semana passada durante a programação do Cineclube e como encaminhamento das discussões saiu a realização desse debate sobre alternativas ao agronegócio e aos venenos.

O debate inicia às 16h na sede do Sindicatos dos Comerciários de Mossoró e Região Oeste (SECOM) na rua Jerônimo Rosado, 313, Mossoró/RN, com entrada franca.

Siga-nos no Twitter: @centrofeminista

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s