Mulheres de Rio Novo, Apodi, visitam múltiplas experiências agroecológicas na Serra Mossoró

11150337_851684651587021_8187095651184910796_n

Nesta última sexta-feira, 15, 30 beneficiárias do ATER Mulheres inauguraram os intercâmbios do projeto visitando múltiplas experiências agroecológicas do quintal de Mazé, na Serra Mossoró.

O objetivo dos intercâmbios de Ater Mulheres é para que as beneficiárias conheçam atividades produtivas baseadas em práticas agroecológicas, alternativas de manejo para suínos, ovinocaprinos e aves e troca de experiências sobre as diferentes formas de organização como a articulação em grupos, redes, movimentos sociais, sindicatos e associações.

Mazé apresentou para as mulheres de Rio Novo o seu canteiro, a criação de galinhas, o PAIS, uma tecnologia que tem como base a agroecologia e funciona com um galinheiro no centro, uma horta ao redor, um quintal agroecológico e um sistema de irrigação por gotejamento, os viveiros de tilápias e criação de ovelhas e de meliponicultura (abelhas sem ferrão).

Gabrielly Sousa, do Centro Feminista, afirma que: “queremos mostrar experiências das mais completas – desde produção à organização – para, assim, estimular a diversidade que transborda uma boa convivência com o semiárido e vida digna no campo”.

No total, serão 12 intercâmbios compartilhando saberes e esperanças para fortalecer as mulheres, a agroecologia e o semiárido!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s